DESTACADO

A sociedade da auto-conservação

Os conservantes naturais como o sal, mel e argila podem manter o teu produto fresco por mais tempo. Como resultado, mais de 65% dos nossos produtos são inteiramente auto-conservados, desde cleansers a champôs e bombas de banho.

Inicialmente, a maior parte destes produtos auto-conservados eram sólidos, dado que as bactérias requerem água para crescerem e se multiplicarem. No caso dos cremes, loções e líquidos, pequenas quantidades de conservantes sintéticos, nomeadamente metilparabeno, propilparabeno, fenoxietanol e álcool benzílico, dão aos produtos não-sólidos uma validade muito maior. Mas, caso prefiras optar por não usar conservantes sintéticos, as tuas fórmulas favoritas foram reequilibradas para serem naturalmente auto-conservadas sem mudanças significativas ao nível da textura, toque, preço ou validade do produto. Esta gama auto-conservada vai ser vendida juntamente com as versões conservadas para que possas experimentar e escolher o que mais gostas.

Conservantes Lição nº1

Os parabenos foram introduzidos nos anos 30 e são, hoje em dia, os conservantes mais usados em produtos de cosmética. O seu uso é tão generalizado pois são baratos, incolores, inodoros, não-tóxicos e têm uma actividade antimicrobiana de largo espetro, o que significa que impedem o crescimento de fungos, bactérias e outros micróbios em cremes e maquiagem.

A Drª Stephanie Williams, dermatologista na European Dermatology London diz: "Os parabenos têm uma longa história de uso seguro e são frequentemente usados em cuidados de pele. Na vasta maioria dos clientes, não causam nenhuns problemas. Contudo, em algumas pessoas, os parabenos podem causar alergias de contacto, apesar de ser uma ocorrência rara." Apesar disto, os parabenos tornaram-se um igrediente pouco popular embora os clientes não estejam certos do porquê. "Existe claramente uma procura por fórmulas sem-parabenos, tão grande que novos produtos que chegam aos mercado são considerados controversos se têm parabenos", diz a blogger Caroline Hirons, de carolinehirons.com. "Mas tenho a certeza que, se questionadas, a maioria das pessoas não saberia porque é que os parabenos são considerados perigosos."

De facto, os problemas com os parabenos começaram com um estudo de 2004 que encontrou vestígios de parabenos em tumores de cancro mamário. Isto foi a base da teoria que os parabenos, que podem imitar fracamente a hormona estrogénio, podem perturbar as hormonas e aumentar o risco de cancro da mama. No entanto, estudos posteriores não encontraram evidências que suportassem esta teoria. Rachel Rawson, Clinical Nurse Specialist no Brest Cancer Care confirma: "Não há actualmente evidências conclusivas que sugiram que o uso de produtos que contenham parabenos esteja diretamente ligado ao desenvolcimento de cancro da mama."

De facto, os parabenos foram sujeitos a testes tão rigorosos que os especialistas acreditam que são mais seguros que outras alternativas sintéticas. O Dr. Edmund Fowles da EF Chemical Consulting, uma companhia que é especializada em avalições de segurança de cosméticos diz: "Tenho a certeza absoluta que os parabenos são seguros. Como resultado de toda esta conversa sobre potenciais riscos, houve investigações exaustivas que cobriram todos os ânglos. Os cosméticos "sem parabenos" apenas usam um tipo diferente de conservante, que foi de certeza testado de maneira muito menos rigorada, por isso como podemos dizer que isso é melhor?"

A Dr. Stephanie Williams concorda: "Os parabenos raramente causa problemas de pele, enquanto alguns conservantes novos e comparativamente menos testados podem causar reações mais frequentes." Por estas razões a Lush continua a usar parabenos de acordo com a legislação da UE. Os regulamentos atuais permitem uma concentração total de 0,4% de metilparabeno em produtos de cosmética e a Lush usa 0,2% como padrão. Desde 2014, regulamentos revistos exigem uma concentração máxima de propilparabeno de 0,19% enquanto que as fórmulas da Lush usam apenas uma concentração de 0,1%.

Os melhores conservantes que a Mãe Natureza oferece.

Já te apercebeste certamente, que tal como os alimentos que compras no supermercado, os produtos da Lush tem um prazo de validade. Mas, ao contrário da maior parte das marcas de cosméticos, também podes ver quando é que estes produtos foram feitos. Recomendamos sim que mantenhas as nossas máscaras faciais frescas (que estão cheias de ingredientes frescos e ativos) no frigorírico e que as uses assim que possível, mas a maioria dos nossos produtos têm uma validade de 14 meses desde a data em que foram feitos. Na maior parte dos casos isto é possível sem o uso de conservantes sintéticos seguros, simplesmente pela maneira em como o produto é formulado.

Todos os cosméticos que contêm água requerem algum tipo de sistema de conservação simplesmente porque a água permite o crescimento e multiplicação das bactérias. Assim sendo, removendo o excesso de água - transformando espuma de banho em barras de espuma, cremes de corpo em barras de massagem e champôs e condicionadores líquidos em barras sólidas - significa que o crescimento bacteriano é inibido sem ser necessária a adição de conservantes sintéticos. O mesmo aplica-se aos nossos sabonetes, desodorizantes em pó, pastilhas dentífricas e cleansers sólidos. Argilas, calamina, talco, caulim e sal (que são alcalinos) pode também ser usados para diminuir o crescimento de bactérias que apenas se reproduzem em meio ácido. 

Mas, claro, não é pratico vender apenas produtos sólidos. O caminho é investigar maneiras de manter a quantidade de "água livre" - que é a água que resta quando já tiverem ocorrido todas as reações químicas - a um nível mínimo para que até hidratantes possam ser totalmente auto-conservados. Equilibrando os níves de água, manteigas e óleos, agentes de limpeza seguros e outros maravilhosos ingredientes naturais, é possível criar cosméticos que são feitos inteiramente de materiais benéficos para a pele ou cabelo. 

É um processo cuidadoso e delicado que vai levar tempo a ser aplicado a mais e mais produtos. As dinâmicas das fórmulas têm de ser cuidadosamente equilibradas de forma a produzir um maravilhoso produto que é eficaz, prático e de longa-duração, sem ter de utilizar um sistema de conservação. E, claro, tem de ser igualmente maravilhoso para os nossos clientes.

Lush Fresh Handmade Cosmetics Presents: Self Preserving

Comentários (0)
0 Comentários
Conteúdo relacionado (1)

Produtos relacionados

1 artigo
Loção Corporal
Hidratação divina
5,95 €
45g